Wednesday, May 6, 2009

Egocracia 2

Duas recentes estatísticas francesas são aparentemente contraditórias. Enquanto os índices de popularidade de Sarkozy não param de cair, as primeiras pesquisas sobre a sua sucessão indicam que, se a eleição fosse hoje, ele seria reeleito.

Para explicar o aparente paradoxo, tenho alguns palpites:

- Muitos não gostam do Sarkô - o egocrata por definição - mas, ainda assim, consideram-no um político competente: Realizador, bom gestor, capaz de realizar mudanças, etc. 

- A oposição está em frangalhos. O PS continua desunido e o independente e solitário Bayrou faz um estrago considerável dividindo os votos. Coisa que nem a eleição em dois turnos resolve.

-  A crise e o descontentamento afetam todas as instituições, presidente e oposição inclusos. A pesquisa eleitoral pode apresentar maior ou menor índice de abstenção/indecisão, mas sempre um ganha.


Foto: O famoso Pavilhão Sévigné,  antiga sede do governo Pétain, para vergonha geral da nação. A origem da mansão é do século XVII. O local foi reformado e modificado ao longo do tempo. 


Post a Comment