Saturday, March 27, 2010

Lágrimas primaveris

A primavera européia é mesmo especial. A partir da metade de março, a paisagem branca transforma-se num grande tapete verde, o sol reaparece, a temperatura sobe e, finalmente, surgem as flores. Beleza para fazer chorar. Sim, chorar de verdade.

Os médicos esclarecem: Quanto mais rigoroso é o inverno e o contraste térmico com os primeiros dias da primavera, maior a intensidade da polinização. A concentração de pólen no ar é uma tragédia para os alérgicos. No meu caso, nada grave, apenas uma irritação nos olhos, que provoca um leve lacrimejamento. Se alguém passou por aqui há duas semanas e me viu chorar, está explicado.

A França tem um serviço de monitoramento de pólen para os alérgicos. Coletores espalhados por todo país são usados para informar o tipo de pólen dominante em cada localidade. Os alérgicos sabem como se defender. Quando vim para cá, sabia do risco. Estava preparado para coisa pior. Felizmente, estou jogando fora as caixas de anti-alérgicos, pois estão vencendo. Melhor assim. E viva a primavera!


Foto: Monaco, na última semana. Estive em convenção por lá, antes que os milionários do mundo inteiro tomem a cidade.


Post a Comment