Wednesday, March 4, 2009

La baguette 1

Saiu o Guia Michelin 2009 com a imperdível lista de restaurantes e, em especial, com os poucos escolhidos que recebem 1, 2 ou 3 estrelas. Na França, a conversa destes dias é uma só: Quem subiu? Quem desceu? Quem já experimentou aquele restaurante? Quanto custa?

Vocês já conhecem a importância desta classificação. Basta lembrar o suicídio daquele chef que havia perdido uma estrela. Restaurante é coisa muito séria, uma tradição francesa.

Tivemos sorte. Fizemos uma reserva para o final de março num restaurante lyonnais a fim de celebrar a aposentadoria de um colega. A escolha foi o "La Mère Brasier", um nome tradicionalíssimo, que reabriu sob nova direção e portanto, sem estrelas. Para surpresa geral da nação, o novo "La Mère Brasier" ganhou duas estrelas do Michelin. Sem dúvidas, um privilégio inesperado. O jovem chef Mathieu Viannay entra para o time de astros da cidade. Ainda perde para Juninho Pernambucano, mas tem lá o seu valor. Bon appétit!


Foto: Apesar do post falar de boa comida, a foto é da Inglaterra (Sorry Brits!). Londres e seus contrastes: Na foto noturna, a Tower Bridge e a moderna sede da Greater London Authority.
Post a Comment