Tuesday, September 15, 2009

Francamente 3

Noite passada, um bêbado caiu nos trilhos do TGV. Encaixou direitinho entre os trilhos. O trem passou e ele não sofreu nenhum arranhão. Se tivesse acordado e levantado a cabeça com o barulho, teria sido degolado. E olha que um trem bala faz barulho e um belo vento! Moral da história: Nunca fique meio bêbado. Ou fique sóbrio ou totalmente bêbado.

A identidade do sujeito foi preservada. Tudo indica que a manguaça teve uma origem festiva. Aqui o pessoal é mais sofisticado, embriagam-se com Bordeaux, Cognac e Champagne.

As investigações apenas começaram. A hipótese de suicídio também é lembrada nessas situações. Sobretudo nos dias de hoje, quando as estatísticas de suicídio explodem. Só a France Telecom (Orange) acumula 23 casos em pouco mais de um ano. Muitos corpos de vantagem sobre a ex-campeã no quesito, a Renault.

Não é difícil entender o que acontece nessas empresas. Trata-se do chamado choque de gestão mal conduzido. As empresas recém inseridas num ambiente competitivo mudam a antiga cultura paternalista para uma meritocracia rigorosa, com objetivos muito arrojados. Evidentemente, uma parte dos empregados não se adapta ao sistema, outros jamais atingem as suas metas. A ameaça da demissão e o rótulo do fracasso, somados aos problemas pessoais e associados à natureza de cada um levam a tais decisões extremas.

Enfim, os empregos são como este post. Começam engraçados, mas podem ter um final amargo.


Foto: Arezzo, outra cidade da Toscana, cujo destaque é a Piazza Grande. Ali não há nenhuma Corsa del Palio, mas um secular torneio de cavalaria, a Giostra del Saracino. Como toda festividade originária da Idade Média, ou sobra para um muçulmano ou para um judeu.

Post a Comment